A volta dos Mamutes (Manny is back)


Deparei-me com essa notícia vinda da Universidade de Kinki, no Japão:

http://www.gizmodo.com.br/conteudo/mamutes-podem-voltar-ao-mundo-em-cinco-anos/#more-55034

Resumindo: encontraram restos mortais de mamutes enterrados no Permafrost (tipo de solo em regiões polares permanentemente congelado), em estado ótimo de conservação. Através do DNA desses restos mortais, poderemos, em até cinco anos, ter os mamutes de volta, por mecanismos de clonagem, através de embriões implantados em óvulos sem DNA de elefantes.

Além da brilhante ideia (e técnica), existem discussões morais acerca da volta desses mamutes. Hoje, os mamutes viveriam em um ambiente muito mais hostil do que o ambiente em que eles viviam há alguns milhares de anos. Com muito menos neve, a disputa por alimento com outros animais, que também correm risco de extinção, seria muito maior. Onde eles se adaptariam? Como seriam inseridos de volta na natureza? É uma pergunta instigante, e creio que a maioria dos cientistas ainda não têm respostas conclusivas para isso. Mas vale a experiência, não só pelo seu ineditismo, mas também para servir de modelo para reimplantação de outras eventuais espécies extintas ou em risco de extinção.

Então, que os mamutes voltem. Pode ser um passo importante para que nós, humanos, comecemos a reverter todo o mal que estamos fazendo à natureza atualmente.

Anúncios
Esse post foi publicado em Aleatoriedades. Bookmark o link permanente.

Uma resposta para A volta dos Mamutes (Manny is back)

  1. Luiz Domingues disse:

    Imagino que eles não seriam reinseridos na natureza. Seriam criados apenas em cativeiro, como Zoológicos e santuários.

Dê a sua opinião

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s